terça-feira, 9 de setembro de 2008

"UM AMOR SÓ MEU"


Um amor só meu!...

Na penumbra acinzentada

de meus sentimentos

envolta em meu silêncio

quero ficar só comigo ...

Infeliz, dispo-me dos sentidos

visto-me de saudades

Revivo nos doces momentos
o amor, que aqueceu minh’alma

absoluto, apagou minha carência

os lábios cálidos e carinhosos

que calaram minhas palavras

tranqüilizaram minha angústia

Solitária, confesso a mim mesma

os desejos inconfessáveis

de um sentimento insensato

um amor sem fim que habita meu coração...

Um amor só meu!...


Van albuquerque

Um comentário:

Pri!! disse...

EU AMO VOCÊ, INFINITO SER COM INTENSIDADE!
Eu amo você, humanidade!
Eu amo você, animal!
Eu amo você, vegetal e mineral!
Eu amo você, palavra amiga, tão cara, útil e necessária!
Eu amo amar o amor que, doce e amavelmente, me comunica tanta cor...
E amo também mamar os néctares de sua infinitamente rica e santa flor!

Seu Cantinho exala AMOR!!
Beijos Fada Flor,vou vir sempre te ver!!

Blog Widget by LinkWithin